segunda-feira, julho 19, 2010

COMO CULTIVAR PLANTAS NO BANHEIRO




Sempre que visito as lojas de jardinagem dá um nó na cabeça: sombra, meia sombra, rega média, rega escassa... Quem não fica confuso diante desses conceitos?

Quantas vezes erramos, adquirindo espécies incorretas para o cultivo em determinado ambiente? Depois, ao ver a planta sem vida, dá aquele nó no coração.

Confesso que, mesmo lendo todas as instruções de plantio e cultivo, eu ainda dou aquela "perguntada básica" para o profissional da loja, rsrs.

É claro que uma análise mais detalhada e totalmente correta sobre o tipo de planta que se desenvolve bem em determinado ambiente só pode ser feita por um profissional paisagista.

Mas algumas dicas ajudam muito quem pretende não ser tornar um "serial killer" ou "exterminador" de plantas. Para começar, vamos entender de uma vez por todas o que significa:

Meia Sombra: Plantas que requerem cultivo à meia sombra são aquelas que necessitam de luminosidade natural sem exposição direta aos raios solares, ao menos no período entre 10 da manhã e 5 da tarde.

Sombra: As plantas não devem ser expostas aos raios solares e suportam baixa luminosidade (atenção: baixa não quer dizer nenhuma luminosidade. Nenhuma planta sobrevive sem luz.).

Sol Pleno: Precisa comentar?

Regas Abundantes: As plantas necessitam de regas frequentes, deixando a terra ou substrato sempre molhadinho ao tocar os dedos. Nos meses mais quentes, muitas vezes, é necessário regar de manhã e no final da tarde.

Regas Médias: Devem ser regadas sempre que a terra apresentar-se seca ao toque. Em geral, regas duas vezes por semana bastam para essas plantas.

Regas Escassas: As plantas devem ser regadas com pouca frequência (mas precisam ser regadas, ok?), por exemplo, uma vez por semana, de acordo com o local em que estiverem.

Comentários

Recomendados para Você