quarta-feira, dezembro 28, 2011

Rosquinha de Pinga Orgânica



Hoje resolvi inovar em uma das receitas da minha infância: rosquinha de pinga. Muita calma nessa hora: apesar do nome assustador, a iguaria pode ser oferecida à criançada sem medo.

No lugar da pinga tradicional, pinga orgânica. Para deixar a massa mais nutritiva e com fibras, farinha integral. Vamos à receitinha.




Ingredientes:

1 ovo
1 xícara e 1/2 de açúcar
1/4 de xícara de óleo
1/4 de xícara de pinga
1/2 xícara de leite
1 colher de sopa de margarina
1 colher de sopa rasa de fermento em pó
aproximadamente 500 gramas de farinha de trigo (usei 250 gramas de farinha de trigo refinada e 250 gramas de farinha integral) - dependendo da farinha, pode ser necessário aumentar essa quantidade até a massa atingir o ponto

Para a cobertura (opcional)

1 xícara de água + 1/4 de xícara de pinga + 200 gramas de açúcar cristal (misturar a água e o açúcar, passar a rosquinha nessa mistura e depois polvilhar o açúcar cristal)

ou 

polvilhar com açúcar e canela (foi o que fiz) 


Modo de fazer

Misture o ovo, o açúcar, a margarina e o óleo até formar um creme homogêneo. Depois acrescente a pinga e o leite, misturando bem. Vá juntando a farinha de trigo (branca e integral) aos poucos e o fermento.

Quando a massa se tornar espessa, é hora de amassar com as mãos (ou transferir para a batedeira com o batedor de massa grossa ou, ainda, usar a panificadora no ciclo massa - foi o que fiz).

O segredo de toda massa grossa é o processo de sova (quanto mais sovada, mais homogênea e mais macio o resultado final). A massa estará pronta quando estiver bem macia e se desprender do recipiente. Aí, é só moldar as rosquinhas.

Se usar forma antiaderente para assar, não é necessário untar. Asse em forno previamente aquecido até dourar ligeiramente a parte superior das rosquinhas. Use a cobertura de sua preferência.













Comentários

Recomendados para Você