segunda-feira, fevereiro 06, 2012

PAISAGISMO: DICAS PARA COMBATER O PULGÃO




Minha Alamanda sofreu um bombardeio de pulgões no último ano. Rapidamente, a praga atingiu também um Jasmim-dos-açores lindo que eu tinha em um vaso. Ambas as plantas ficaram bem danificadas e, infelizmente, o jasmim não resistiu.

Tentei todos os remédios e produtos encontrados nas casas de jardinagem. Confesso que os utilizava com um certo receio e nem sempre com a frequência exigida pois tenho crianças em casa.

Comecei a procurar remédios naturais. Desanimei quando me falaram na infusão de fumo (Não é tão simples assim encontrar fumo em corda em SP!).

Procura daqui, procura dali e eu achava tudo meio complicado: macerado de urtiga e pimenta malagueta, piretro, cinza de madeira e debulho de arroz... Aff, isso me soava tão estranho quanto aquelas poções mágicas que pedem orelha de morcego, rabo de salamandra e dente de leão moído. 

Aí me deram algumas receitinhas "super-mega-hiper-blaster" fáceis que resolveram. Compartilhando:


Sabão em pedra diluído em água: use um borrifador ou, com as próprias mãos, jogue o líquido em todas as partes das plantas que estão com pulgão. Fiz duas vezes por semana com sabão de côco (aquele branquinho vendido em supermercado). 

Atenção: tem que retirar os pulgões. Você pode passar uma esponjinha com essa mesma mistura para arrancar os danadinhos da planta. Não esqueça de tirar os que ficam por baixo das folhas também, ok?

Água Sanitária: 1 colher de sopa de água sanitária para 1 litro de água. Borrife sobre toda a planta, duas vezes por semana.







Comentários

Recomendados para Você