quarta-feira, junho 13, 2012

Viva Santo Antonio





Hoje é dia de Santo Antonio. Apesar de ter sido criada em uma religião cuja filosofia ainda admiro muito, estou em um momento complicado, revendo muitas coisas.

Não deixei de acreditar em Deus, nem de crer que milagres existem. Só cansei de ser cercada por gente que se diz religiosa e não pratica caridade nem na própria casa. 

Para mim, é mais importante viver dignamente, respeitar os outros e praticar boas ações em qualquer lugar, do que decorar, rezar e ficar cantando na igreja. Ao invés de rezar alto e fazer pequenas grosserias ou grandes maldades, penso que algumas gentilezas, honestidade e a prece silenciosa chegam mais rápido ao ouvido do CEO do Céu.

E Santo Antonio, embora eu nunca tenha sido católica, sempre teve a minha admiração, pois sintetiza bem o que acredito, com a sua missão de ajudar os mais pobres.

Tenho o meu, ganhei do meu pai (não ele não era louco para eu casar e presumo que não tenha passado de um brincadeira me dar o santo de presente), meu avô foi à igreja e benzeu. 

A imagem do santo, veio de Pedreira. Assim como o noivo, hoje marido, meses depois. Hã?? É isso mesmo, ganhei o santo e poucos meses depois, conheci o marido e casei. Coincidência!

Engraçado, nunca pedi casamento para o santo. Peço todos os dias a mesma coisa: proteção. E quando sofro um revés ou uma injustiça, peço que ele me deixe uns créditos lá com o CEO, em saúde e alegrias.

Pronto, tá bom demais! E viva Santo Antonio.

Comentários

Recomendados para Você