sexta-feira, julho 19, 2013

Decoração: Como combinar molduras



Dúvidas comuns sobre as molduras de quadros e fotos: precisam ter o mesmo tamanho, podem ser em cores diferentes, devem seguir o mesmo estilo e acompanhar o restante da decoração?

A boa notícia é que nem tudo precisa ser rigorosamente simétrico e igualzinho. Mas alguns truques facilitam bastante a tarefa de agradar e fazer bonito no ambiente. Veja:




Em uma parede com várias obras, a moldura não precisa ser igual em todas. Ela deve harmonizar com a obra (foto, pintura, gravura, etc) apenas. Não se preocupe em reproduzir a tonalidade de móveis nas molduras dos quadros e obras. 




O passe-partout valoriza e protege a obra do contato com superfícies que possam danificá-la. Além disso, ele "limpa" o olhar e é um recurso bacana para quem pretende usar várias imagens e obras em uma mesma parede ou sobre um fundo estampado. 

Mas não é necessário usar em passe-partout em todas as obras que estão em um mesmo ambiente. Podem ser combinadas peças com passe-partout e outras sem.  





Componha em uma mesma parede ou ambiente, obras que tenham molduras mais finas e outras mais espessas, além de estilos diferentes, em uma cor só ou em várias cores. Não precisam ser todas iguaizinhas.




Você pode compor arranjos de parede bem charmosos com diferentes modelos de moldura. Na foto acima, as molduras escolhidas tem carinha de antigamente e compuseram bem com as fotos. 





Simetria é um recurso, não uma obrigação! O único cuidado que você deve ter ao dispor as obras é harmonia. 

Mas não se preocupe em que o arranjo "forme um quadrado". Trace uma linha imaginária, na horizontal ou na vertical e disponha suas obras acompanhando-a. Isso funciona como um "eixo" ou âncora e não deixará a ideia de coisas bagunçadas.




Glamour instantâneo: quando você usa uma gravura ou foto pequena e a insere em uma moldura bem larga e com passe-partout largo você amplia o tamanho da obra e evita a famosa "parede vazia". Esse é um recurso legal para você expor no ambiente aquele quadro bonito e que acha pequeno. 



Combinar gravuras, fotos e quadros com espelhos fica bem bacana. Para destacar o espelho, aposte em uma moldura contrastante para ele. 



Inovar no passe-partout também valoriza a moldura, especialmente quando ela é mais básica e simples. Cores, estampas e tecidos são alguns dos recursos úteis. 



Fotos em preto e branco + passe-partout branco + moldura reta na cor preta = não tem como errar.



Uma cor de fundo também ajuda a valorizar as molduras. Considere jogar uma cor naquela parede que vai receber a sua composição.





Objetos variados, colares, cestos e esculturas de parede podem ser usados sem medo ao lado de uma composição com obras emolduradas. Não precisam "combinar" com as molduras.

Comentários

Recomendados para Você